Pesquisar  
FAQ





  • Quando o médico prescreve um antibiótico, a receita é válida por quantos dias?

    O receituário de antibióticos é valido por um período de 10 dias. Caso o antibiótico seja de uso contínuo, o médico deve indicar na própria receita essa observação, para que a validade dessa receita seja estendida por um período de, no máximo, 90 dias. Sendo assim, o paciente pode comprar todo o medicamento de uma vez (para uso durante os 90 dias). Caso queira comprar mês a mês, o paciente poderá realizar todas as compras no mesmo estabelecimento, o qual reterá a segunda via da receita no primeiro atendimento e atestará cada atendimento em ambas as vias, posteriormente.

  • Por que alguns medicamentos precisam de receita médica e outros não?

    Os medicamentos são produtos especiais elaborados com a finalidade de diagnosticar, prevenir, curar doenças ou aliviar seus sintomas, sendo produzidos com rigoroso controle técnico para atender às especificações determinadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária - ANVISA.
    Medicamentos sujeitos a controle especial são aqueles que têm ação no sistema nervoso central podendo causar dependência física ou química.
    Os antibióticos, apesar de não apresentarem este risco, atualmente também são controlados pela ANVISA, pois quando usados inadequadamente geram gravíssimos problemas de saúde, como o insucesso terapêutico e a resistência bacteriana.
    Existem alguns medicamentos que podem ser comercializados sem a necessidade da receita médica, são os Medicamentos Isentos de Prescrição, produzidos, distribuídos e comercializados para serem usados pela população por iniciativa própria, para sintomas e moléstias facilmente identificáveis.

  • O que são medicamentos genéricos?

    O medicamento genérico é aquele que contém o mesmo fármaco (princípio ativo), na mesma dose e forma farmacêutica, é administrado pela mesma via e com a mesma indicação terapêutica do medicamento de referência no país, apresentando a mesma segurança que o medicamento de referência no país, podendo este ser intercambiável. O Ministério da Saúde através da ANVISA, avalia os testes de bioequivalência entre o genérico e seu medicamento de referência, apresentados pelo fabricante.

  • O que são medicamentos similares?

    Os similares são medicamentos que possuem o mesmo fármaco, a mesma concentração, forma farmacêutica, via de administração, posologia e indicação terapêutica do medicamento de referência (ou marca), mas não têm sua bioequivalência com o medicamento de referência comprovada.

Primeira12Última


 
pensefarma email contato@pensefarma.com.br telefone (11) 4615.9290 siga-nos
Copyright © 2014 - Pense Farma - todos os direitos reservados